Os urubus que arrodeiam a carnificina da violência machista

*Por Nicole Geovana   Moro no seu pronunciamento de ontem utilizou de uma explicação dentro do enquadramento teórico ultrapassado muito comumente utilizado no passado: a teoria da Frustração-Agressão. John Dollard, em 1939, teorizou que a Frustração é uma precursora da Agressão. A frustração pode provocar uma variedade de respostas, e, em alguns indivíduos, essa resposta […]

“Woman, you can”: quando nossas pautas estão a serviço do sistema

*Por Mari Malheiros Feminicídio. Machismo. Empoderamento. Nunca antes na história desse país se falou tanto em violência contra as mulheres, mecanismos para o seu combate e a necessidade de que as mulheres sejam “empoderadas” para enfrentar esses problemas. Todos os dias, os noticiários narram casos de violência contra as mulheres e, ao mesmo tempo em […]

12 anos da Lei Maria da Penha: o que temos a comemorar?

Por Silvana Crisostomo* Há 12 anos era instituída no Brasil a primeira lei de combate à violência contra a mulher, nº 11.340, também conhecida como Lei Maria da Penha. A lei tipifica a violência doméstica e familiar contra a mulher em cinco formas: física, psicológica, sexual, patrimonial e moral. Além disso, cria assistência, atendimento especializado […]

Justiça, a duras penas, para Vivianny Crisley

Jovem foi brutalmente assassinada em outubro de 2016; réus foram a júri popular nesta quarta (16), em João Pessoa Danielle Alexa* Para alguns, não existe justiça no nosso país. Para outros, ela tarda, mas não falha. O fato é que a contraditória seara da justiça, que tenta dar respostas à sociedade, é sempre uma incógnita, […]

Rodrigo Hilbert e a supervalorização do razoável

Por Fabiana Oliveira* Faz tempo que o discurso da “desconstrução” tem contaminado nossos debates e, sobretudo nas redes, ganha força e adesão. “Ele é descontruído”, “ele está se descontruindo”, afirmam algumas de nós para falar de alguns companheiros (ou nem tanto) de luta e de vida, reforçando a ideia de que alguns homens podem não […]

SEGUIREMOS EM MARCHA ATÉ QUE TODAS SEJAMOS LIVRES!