Garotas Mortas

*Por Luíza Mançano Passei a última semana pensando em escrever um texto,  uma análise literária sobre um livro, Chicas muertas, da escritora argentina Selva Almada, publicado em 2014. Uma crônica sobre o feminicídio na Argentina. Uma crônica sobre o assassinato de três garotas na década de 1980: Andrea Danne, Maria Luisa Quevedo, Sarita Mundín. Três mulheres […]

Quem segura as mulheres? Universidade cearense inaugura núcleo de atendimento às mulheres vítimas de violência

*Por Gladys Pontes Durante o ano de 2016, o Núcleo Jana Barroso, da Marcha Mundial das Mulheres, esteve a frente da campanha “Quem segura as mulheres?”, de combate à violência contra as mulheres na Universidade Estadual do Ceará (UECE). Percebemos que o debate sobre a (IN) segurança nos campi estava tomando grandes proporções, frente ao medo constante […]

O sangue dos estupradores e nossa sede de justiça

Por Bruna Rocha* Ódio. Nojo. Asco. Uma sede insaciável de justiça e tão poucas ferramentas efetivas para alcançá-la na institucionalidade. A primeira coisa que pensamos quando sabemos, ou pior, quando VEMOS um caso de estupro bárbaro como o que ocorreu semana é na potência de nossas próprias mãos. A cultura do estupro é uma logística […]

Preparação da IV Ação Internacional da Marcha Pernambuco e Paraíba

*Por Yara Manolaque          Dando continuidade a preparação da IV Ação Internacional da Marcha Mundial das Mulheres, Pernambuco e Paraíba voltaram a se reunir no último dia 20 de junho, em Caruaru, agreste Pernambucano. A reunião ocorreu na sede do Movimento das Mulheres Trabalhadoras Rurais do Nordeste com a participação de mais de […]

Mulheres se levantam contra a violência sexual nas universidades! Todas/os à FMUSP no dia 7!

Desde o ano passado, nós da MMM, acompanhamos o processo da CPI das violações dos direitos humanos nas universidades. A CPI se encerrou, e foram tirados vários encaminhamentos, entre eles, a indicação de que as universidades se responsabilizem pelos casos de violência, tomando as medidas preventivas e punitivas necessárias para acabar com a cultura do […]

SEGUIREMOS EM MARCHA ATÉ QUE TODAS SEJAMOS LIVRES!