Sobre a “onda conservadora”, ou: o que as feministas estão dizendo faz tempo, mas alguns preferem ignorar

  Por Maria Júlia Montero* Já tem um tempo que nós, feministas, estamos falando sobre a tal “onda conservadora”, e como ela vem regada também com uma boa dose de misoginia (coloquei alguns links ao final). Temos falado sobre como, principalmente em tempos de crise econômica (e política, e de valores…), alguns valores sobre as […]

Misoginia: uma psicopatia estruturante da sociedade Patriarcal

*Por Bruna Rocha e Maria do Carmo Bitencourt É duro perceber que somente nos casos mais brutais de ódio, a luta das mulheres contra a violência cotidiana do Patriarcado tem ressonância na sociedade. Ainda assim, há uma disputa intensa de narrativa sobre qual razão, motivo ou circunstância especial leva um homem a matar a mãe […]

A raiva que se sente “delas” e a luta que fazemos: a chacina misógina de Campinas

Glaucia Fraccaro e Fabiana Oliveira* Na madrugada da virada do ano de 2017, Sidnei Araújo invadiu uma casa no interior de Campinas onde acontecia uma festa de réveillon. Matou a ex-esposa, o filho e mais dez pessoas, entre membros da família, amigos e amigas. O assassino se matou e deixou uma carta amplamente divulgada pela […]

NÃO É PELA MACONHA, É PELA VIDA DAS MULHERES!

Por Luana Malheiro* Recentemente, acompanhamos o pronunciamento do Governador Rui Costa (BA) acerca do seu apoio a legalização da maconha. Entretanto, é importante lembrar ao governador Rui Costa, que a nossa luta não é somente pela legalização da maconha. Não podemos incorrer no erro de supervalorizar o poder farmacológico das substâncias. Todas as drogas devem […]

PEC 55: caminhos para aprofundar a pobreza

Por Isabelle Azevedo* A aprovação hoje (13), pelo Senado, da PEC que limita o teto dos gastos públicos em 20 anos, a chamada PEC 55, tem gerado a narrativa de que enterramos o futuro de milhões de crianças pobres do Brasil. Não! O cenário é muito mais drástico do que isso. Não é nenhum exercício […]

SEGUIREMOS EM MARCHA ATÉ QUE TODAS SEJAMOS LIVRES!