25 de Novembro na Bahia: A violência contra a mulher não é mundo que a gente quer.

Em ação conjunta a Marcha Mundial das Mulheres – Bahia e o Levante Popular da Juventude denunciam a violência contra a mulher e apontam o Estado como omisso e culpado pela impunidade.
A Bahia é o segundo estado com o maior índice de feminicidio do Brasil e Salvador uma das capitais onde mais mulheres são violentadas.

IMG-20141125-WA0009
A Secretaria de Segurança Pública, local onde ocorreu a ação, é um aparato estatal que legitima a VIOLÊNCIA e por isso foi escolhida como alvo.
É importante frisar que neste 25 de Novembro, dia de luta pelo fim da violência, reafirmamos a necessidade de implantação de políticas públicas de combate e prevenção da violência,  e que para tal é necessário que as mulheres estejam organizadas e lutando!


Reafirmamos também a auto-organização como instrumento capaz de fortalecer mulheres para que saiam do ciclo de violência, assim como a autonomia econômica e social.
Queremos uma Constituinte Exclusiva e Soberana do Sistema Político, POR MAIS MULHERES NA POLÍTICA, PARA MAIS POLÍTICA PARA AS MULHERES!
SEGUIREMOS EM MARCHA ATÉ QUE TODAS SEJAMOS LIVRES!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

SEGUIREMOS EM MARCHA ATÉ QUE TODAS SEJAMOS LIVRES!

%d bloggers like this: