Mulheres unidas em uma só voz – Sobre um novo núcleo da Marcha em Osasco!

Por: Clareana Cunha, Maria Luiza Perroni, Thais Gonçalves e Amanda Limone*

No último sábado, 18/01, aconteceu a primeira reunião para a fundação de um coletivo da Marcha Mundial das Mulheres em Osasco. A ideia de criar esse coletivo surgiu por entendermos a importância de ações feministas na região, e por acreditarmos que combater o patriarcado e machismo no nosso cotidiano é parte fundamental da nossa história.

Começamos a reunião com uma rodada de reconhecimento, contando como nos aproximamos do feminismo, e por que a importância de um núcleo regional da Marcha em Osasco. Maria Luiza Perroni, uma das militantes do coletivo, salientou a importância de consolidar as ideias e os papeis que nós mulheres temos que conquistar na sociedade: “Conheci o movimento feminista recentemente, tendo contato com algumas mulheres que fazem parte do movimento. Desde então, tenho me interessado mais por assuntos do tipo. Entretanto, não havia participado efetivamente de nenhum encontro ou reunião feminista até hoje”. E completou: “A reunião realizada no sábado veio a consolidar ideias que já estavam emergindo em mim, ampliando a consciência do papel que nós, mulheres, deveremos empenhar para a conquista da plena liberdade”.

Depois das falas, passamos dois documentários. O primeiro, “Mulheres Invisíveis”, gerou uma discussão sobre o papel das mulheres na sociedade. Durante a discussão, pudemos ver o quanto a desigualdade de gênero ainda está presente na sociedade, como o capitalismo patriarcal mascara a situação das mulheres e como nós somos as principais vitimas do desemprego e do trabalho precarizado. E esses são também nossos desafios enquanto feministas de Osasco e região.

Exibição do vídeo “Seguiremos em Marcha até que todas sejamos livres” (2010).

O segundo documentário exibido foi “Seguiremos em Marcha até que todas sejamos livres”, que tem como tema a Ação da Marcha Mundial das Mulheres de 2010, e conta um pouco da história do movimento. O vídeo também retrata os espaços auto-organizados, a batucada, nossas pautas e nossos questionamentos ao modelo econômico dominante.

Por fim, ficou definida uma próxima conversa, no dia 23/01, com local a definir, para pensarmos em uma ação na cidade. Também decidimos fazer uma oficina de batuques para a ação do dia 8 de março, e uma oficina/ação de colagem de lambe-lambes, no dia 31/01!

TE CUIDA, TE CUIDA, TE CUIDA SEU MACHISTA, AGORA OSASCO VAI SER TODA FEMINISTA!

* Amanda Limone, Clareana Cunha, Thais Gonçalves e Maria Luiza Perroni são militantes da Marcha Mundial das Mulheres de Osasco, São Paulo.

Comments

  1. Stephany Silva says:

    Quando será aproxima reunião na região? Quero muiiiiito participar!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

SEGUIREMOS EM MARCHA ATÉ QUE TODAS SEJAMOS LIVRES!

%d bloggers like this: